ROI da Governança de Dados

140128_154924648[1]

Estava conversando com meu advogado há alguns dias e ouvi uma frase que fez todo o sentido: “Quem tem a informação, tem o poder”.
Desde os primórdios, em meados da década de 1980, até a avalanche que hoje nos inunda mostrando que a informação é o ativo mais importante das organizações, não há como negar que máximas como esta acima irão nortear os negócios nos próximos anos, talvez permanentemente.

140128_154929938[1]

Mesmo com os gaps bem claros para a empresa, é necessário convencer os executivos de que a solução para estes gaps é a implementação da governança de dados. Mas como fazer isso de forma assertiva? A forma mais comum é buscando um forte caso de negócio (business case).

Não se pode pensar em implementar algo que é inovador e que muda a cultura de sua empresa sem manter-se atualizado com as melhores práticas de mercado. Quando o objetivo envolve uma mudança na cultura de uma empresa é necessário o entendimento de como esta mudança se encaixa como uma evolução de tudo já está consolidado na organização. Ao manter-se conectado com as experiências que os pares estão tendo nestas mesmas inovações, identificamos muitos aceleradores que podem tornar o desafio do business case um pouco melhor “impossível”.

Colocando “a mão na massa”…
Tenha em mente que para calcular o ROI é necessário identificar os maiores problemas com os dados. Aqueles que geram maiores custos e são rotineiramente classificados como “custos desnecessários ou re-trabalho”. Categorize estes problemas, estabelecendo uma ordem de prioridade orientada ao quanto seria economizado se estes fossem evitados. Após isso, a análise mais aprofundada dos problemas mais prioritários proverá insumos de valores ao mapeamento. O link claro com gaps que apontaram para a implementação da governança de dados como solução devem ser sempre validados ao longo das análises.
Importante: Identifique pequenas e significantes entregas para mostrar o valor da governança de dados. Não tente fazer algo grande demais sem que todo o apoio executivo esteja consciente do valor agregado e comprometido com os preços desta mudança organizacional.
O artigo que inspirou os comentários segue abaixo.

http://www.information-management.com/news/the-roi-of-data-governance-10025266-1.html

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s